sexta-feira, 14 de junho de 2013

Estreia: Além da Escuridão - Star Trek


Sinopse:
Em sua nova missão, a tripulação da nave Enterprise é enviada para um planeta primitivo, que está prestes a ser destruído devido à erupção de um vulcão. Spock (Zachary Quinto) é enviado para dentro do vulcão, onde deve deixar um dispositivo que irá congelar a lava incandescente. Entretanto, problemas inesperados fazem com que ele fique preso dentro do vulcão, sem ter como sair. Para salvá-lo, James T. Kirk (Chris Pine) ordena que a Enterprise saia de seu esconderijo no fundo do mar, o que faz com que a nave seja vista pelos seres primitivos que habitam o planeta. Esta é uma grave violação das regras da Frota Estelar, o que faz com que Kirk perca o comando da nave para o capitão Pike (Bruce Greenwood). A situação muda por completo quando John Harrison (Benedict Cumberbatch), um renegado da Frota Estelar, coordena um ataque a uma biblioteca pública, que oculta uma importante base da organização. Não demora muito para que Kirk seja reconduzido ao posto de capitão da Enterprise e enviado para capturar Harrison em um planetóide dentro do império klingon, que está à beira de uma guerra com a Federação. Adorocinema

Estreia hoje (oficialmente) "Além da Escuridão - Star Trek", novo filme da série "Jornada nas Estrelas". Nós, do Noites Malditas, tivemos a oportunidade de apreciar as pré-estreias desta fantástica aventura. Aos fãs de Jornada nas Estrelas, é uma estória cheia de referências ao resto deste universo ficcional; aos que assistiram apenas a "Star Trek (2009)", verão uma sequencia possivelmente melhor que o "original"; e para os que nunca assistiram nada a respeito, é um excelente filme.

O filme inicia em meio a uma missão de salvamento à uma civilização pouco desenvolvida, colocando o Cap. Kirk (Chris Pine, de "Bem Vindo à Vida" e "Guerra é Guerra!") e o Sr. Spock (Zachary Quinto, de "Margin Call - O Dia Antes do Fim" e da série "American Horror Story") em situação crítica quanto aos limites impostos pela "Primeira Diretriz". É uma sequencia eletrizante e bem humorada que introduz a toda a tripulação da Enterprise - McCoy (Karl Urban, de "Dredd" e "Padre"), Sulu (John Cho, de "O Vingador do Futuro" e da série "Go On"), Uhura (Zoe Saldana, de "Colombiana: Em Busca de Vingança" e "Ladrões"), Scotty (Simon Pegg, de "Missão: Impossível - Protocolo Fantasma" e "Paul - O Alien Fugitivo") e Checov (Anton Yelchin, de "A Hora do Espanto (2011)" e "Um Novo Despertar") - antes mesmo de aparecer o título do filme.

Passada a introdução, a estória realmente começa, desta vez na Terra. Uma sequencia perfeita para introduzir John Harrison (Benedict Cumberbatch, de "Cavalo de Guerra" e da série "Sherlock"), brilhante e ardiloso vilão desta estória (sem dúvida, um dos 5 melhores de todo o universo de "Jornada nas Estrelas", contando os 12 filmes, 5 séries e 1 desenho animado); uma pessoa que, sozinha, possui a habilidade de subjugar todo o comando da Frota Estelar, forçando o Alm. Marcus (Peter Weller, o consagrado policial Alex Murphy/RoboCop de "Robocop (1987)") a convocar todos os comandantes das naves estelares disponíveis, como o Alm. Pike (Bruce Greenwood, de "O Voo" e "Super 8"),  para captura-lo.

A busca por Harrison, terrorista foragido, faz com que a tripulação da Enterprise aceite os riscos de ingressar em território proibido: o planeta Kronos. Este é um momento especial para os fãs, pois sendo este o centro do império Klingon, vê-se pela primeira vez a versão de J. J. Abrams de uma das raças alienígenas mais emblemática do universo de Jornada nas Estrelas.

Esta, também, é uma estória com muitas reviravoltas. Em busca de cumprir sua missão, e satisfazer seu desejo de vingança, Kirk entra em conflito com seus amigos e colegas, como Scotty, enquanto fica alheio a segredos da própria Frota Estelar, como o passado de John Harrison e o real motivo no ingresso da Dra. Carol Wallace (Alice Eve, de "MIB3" e "Ela é Demais Pra Mim") na Enterprise. Nem tudo é o que parece, levando a tripulação da Enterprise a por de lado as categorias de "heróis e bandidos" para poderem sobreviver, visto que, como no filme anterior, nem mesmo os planetas emblemáticos estão a salvo se sucumbirem frente a inimigos tão poderosos, quanto mais os personagens.

Este filme está disponível em versões 3D e IMAX (tivemos a oportunidade de desfrutar de ambas). Tendo em vista que apenas em raríssimos casos os efeitos 3D são notados ao longo de todo o filme (como "Avatar" e "A Invenção de Hugo Cabret"), pode-se dizer que estes efeitos são bem empregados em "Além da Escuridão - Star Trek". A diferença entre a versão 3D e IMAX  se devem à qualidade excepcional da imagem desta, da alta definição à imersão nas cenas panorâmicas e no realce dos efeitos 3D. Mas nem todo o filme possui cenas onde os efeitos 3D são percebidos assim como apenas algumas cenas foram feitas especialmente para IMAX. Desta forma, independente da versão em que forem assistir, será uma bela diversão, tanto em IMAX, 3D ou mesmo em 2D.


Vida Longa e Próspera.
Divirtam-se!

P. M. Zancan

Layout exclusivo do blog - Noites Malditas | Feito por: Alice Grunewald | Tecnologia do Blogger | Cópia total ou parcial é proíbida ©