terça-feira, 25 de novembro de 2014


Olá pessoal, tudo bem com vocês?

O Blog O Diário do Leitor está de aniversário e quem vai ganhar é você. São três formulários, cada um contém prêmios diversos, formados por blogs que participaram destes três anos!

As regras gerais são:

1. Ter endereço de entrega no Brasil;
2. Cumprir as regras obrigatórias de cada formulário que preencher;
3. Caso o participante passe seu endereço de entrega errado e a encomenda volte, ele arcará com o valor de novo envio.


Kit número 01 - Blog Aniversariante




a Rafflecopter giveaway

Kit número 02 
Participam deste kit os seguintes blogs e respectivos prêmios



a Rafflecopter giveaway

Kit número 03 
Participam deste kit os seguintes blogs e respectivos prêmios


a Rafflecopter giveaway


Serão 3 vencedores e cada um tem o prazo de 72 horas para retornar o e-mail que será enviado. A promoção é válida de 24/11/2014 à 04/01/2015, co
m resultado saindo logo em seguida. Lembrando que cada blog terá de 30 a 60 dias para enviar seus respectivos brindes.

terça-feira, 4 de novembro de 2014


Divulgação do mês de novembro da União dos autores que temos o prazer de ter como parceiros.

Confusões em Paris - Vanessa Sueroz
Confusões em Paris: romance, diversão e muitas aventuras!

Ponte de Cristal - Thati Machado
A vontade de mudança deve ser acrescida à coragem para mudar.

Série A Grande Aventura: A Lenda - Luiz Amato
Ah! Já acabou? Eu quero mais.

Esconderijo Secreto - Isadora Mello
Esconderijo Secreto, um refúgio para a alma e o coração.

Clube das Desapaixonadas - Mariana Mello Sgambato
Tá cansada de ser a otária sempre traída? Junte-se ao Clube das Desapaixonadas.

O Sol da Meia-Noite - Fabrício Medeiros
Um livro onde anjos e contos de fadas se misturam de uma forma incrível. Não há leitores que consigam escapar de ler O Sol da Meia-Noite. (Naylane Sartor, do blog Resenha Teen)

Abismo Sangrento - Márcia Pavanello Pires
Um amor intenso e um grande mistério a ser revelado, um sobrenatural de tirar o fôlego. Assim é Abismo Sangrento. Irá arrebatar o seu coração.

Clamor: Poesia em versos - Carmem Teresa Elias
O percurso afetivo do ser humano em poesias ao acaso.

Sereia Negra - Vinícius Grossos
Um mergulho fantástico em busca do amor próprio e da verdade.

Mudanças - L. L. Alves
Uma leitura fácil e agradável. Se você está querendo desintoxicar seu “organismo literário” embarque com Verônica nessa história narrada de forma tão gostosa e sincera.

Sombras - Nanci Penna
Um grande mistério, um amor que jamais deveria ter sido interrompido e um sacrifício como nunca se viu antes, assim é Sombras, uma historia inesquecível.

Justa Causa - Gislaine Oliveira
Se você deseja uma história com muitas risadas e muito amor esse é o livro certo para você. Leia Justa causa e se encante com a romântica e divertida história desse casal.

O Vale de Elah - Carla Montebeler
Samah nos faz recordar que até começos humildes podem resultar em finais grandiosos, se tivermos fé!

Vingança Mortal - Raquel Machado
Vingança Mortal é uma história de suspense cheia de mistérios e reviravoltas, onde ninguém é realmente o que aparenta ser.

Cheiro de Sonho - Carolina Hermanas
Sonhos, aventuras e travessuras.

Alma Menina - Camila Silvestre
Alma Menina é um livro de amor para quem tem coragem.

Desconfiei de quem não deveria - Randerson Figueiredo Teixeira
A desconfiança gerada pode ser quebrada com muito amor, fé e determinação.

Notas de Luxúria - Jéssica Anitelli
Muito mais do que sexo e rock n' roll. Garanta seu ingresso, acomode-se, pois o show vai começar.

A Garota do Ônibus - Dayana Araújo
Sempre fui esperta. É certo que caí muitas vezes nas lábias de algumas pessoas, mas sempre saí por cima.




quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Parceria nova no blog

Oi,

Nova parceria no blog, apresentando:





Raquel Machado é formada em Ciência da Computação, e participa do mundo das artes desde criança, sendo a literatura uma de suas maiores paixões.

Há anos em meio à blogosfera literária e com histórias sendo escritas em rascunhos, decidiu tirar do baú suas ideias e compartilhar com o mundo.

A autora reside no sul do Brasil, na cidade de Caxias do Sul/RS. Mora com os pais, quatro cachorros e uma estante cheia de livros.

Onde comprar:

INFORMAÇÕES DA AUTORA

Blog
http://leiturakriativa.blogspot.com
Skoob
http://www.skoob.com.br/autor/11282-raquel-machado
Google+
https://plus.google.com/?hl=pt_br&gpsrc=gplp0
Twitter
https://twitter.com/kellnanet2011
Amazon
http://www.amazon.com/-/e/B00KMDEZN8
Clube Autores
http://www.clubedeautores.com.br/authors/121634

Livro:



Edição:1 
Ano: 2014 
Editora:Clube dos Autores / Amazon 
ISBN: 1495987795 
Páginas: 117 
Formato: Impresso e Digital 
Gênero: Suspense/Policial 

Sinopse:

Ao receber uma ligação sobre a morte de sua melhor amiga, Brenda volta a sua cidade natal, Lageado Grande. Lá ela vai ao velório de Nicole, onde encontra seu rosto marcado por facas. Uma dúvida surge: será que realmente foi um acidente como todos falam? 

Ao voltar para casa algumas pistas aparecem, e Brenda fica obstinada a investigar a morte de Nicole. Ela decide então voltar as suas raízes. Porém, o tempo parece ter mudado muitas coisas, inclusive as pessoas que ela imaginava conhecer. 

Envolvida em uma rede de intrigas, dinheiro, drogas e traição, ela se vê prestes a montar um quebra-cabeça, onde cada peça parece se encaixar com extrema exatidão. E a solução para esse mistério, pode revelar um segredo escondido há muito tempo.

EM BREVE RESENHA!!!

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Herança de Sangue - Priscila Xavier


Herança de Sangue
Autora: Priscila Xavier
150 páginas
Editora Modo


Sinopse:

As forças do mal se confundem com as trevas. Por todos os lados – a morte, a magia e sangue. Até onde se pode chegar para conquistar o poder? Ana vive em constante luta atrás da construção de seu sonho – o sucesso de sua pousada, um lugar de beleza estonteante, norteado pelo medo, floresta, mortes e maldição. Eva, irmã de Ana, está à sua caça. Ela não quer apenas seu amor, seus amigos e a pousada… Ela deseja com todas as suas forças, a herança que Ana carrega em si – sua própria vida e a magia. Herança de sangue é uma odisseia entre o bem e o mal. Uma obra criada para causar temores sensoriais e medo insólito, concentrando numa só trama – bruxas, seres malignos e vampiros. Quem sobreviverá?!

Resenha:

Conheci esta autora e o seu respectivo livro através de um Booktour organizado pela Michele Ladislau do Blog As Leituras da Mila, primeira vez que participei de algo do tipo e achei bem interessante, a autora disponibilizou seu livro e ele viajou pelo país para as blogueiras conhecessem e postassem o que acharam depois, é um ótimo feedback para a editora e autores esse tipo de divulgação.

Achei a capa linda, reflete bem a história do livro, foi muito bem escrito e o desenrolar da trama é dinâmico.

É uma história cheia de ação e romance com toque sobrenatural, já que trata-se de bruxas e vampiros, o que é novidade pra mim, pois nunca li nenhum livro ainda que abordassem os dois juntos numa mesma história.


“Dei-me conta que estava sozinha há muito tempo, aquilo poderia ser carência ou os desejos de uma mulher esperando para desabrochar.” Pág 26


A história é sobre Ana, uma jovem até então, comum, como qualquer outra, que tem uma pousada e uma vida social agitada, Jéssica é sua melhor amiga, e sempre estão juntas nas aventuras.

Até aparecer Haldo, um homem muito bonito, que Ana se apaixona quase que instantaneamente, mas aos poucos vê que ele não é somente um rapaz interessante que está ali de passagem como tantos outros que conheceu como frequentadores do local, e sim tem um mistério a sua volta e ela fica instigada a descobrir.


“Que resposta interessante! Como alguém poderia se acostumar com a morte? Foi algo inédito de se ouvir de uma pessoa normal, pois a maioria das pessoas encara a morte só pela dor que esta causa a quem fica, e não como uma passagem para uma vida melhor;"  pág 36


Por ser um livro de apenas 150 páginas, li em uma noite. O desenrolar da trama, é bem envolvente e nos prende até o final, pois são tantas histórias envolvidas que se entrelaçam, vão aparecendo personagens novos, e você se sente intrigada para que chegue ao final logo.


“Era surreal. Não era eu! Estava agindo totalmente diferente. Acordei suando frio, olhando para os lados sem pensar em nada além do pesadelo. O relógio dizia que deveria estar na cama, mas como faria isso depois do que vi¿ Era impossível dormir, estava aflita, angustiada e sentia a escuridão por toda parte me sufocando. Eu queria gritar e ao mesmo tempo chorar. Ah! Que sentimento horrivelmente delicioso de desejo e dor!" Pág 113


As páginas são todas detalhadas e a cada capítulo tem um destaque em tons noturnos e com títulos muito bem escolhidos, no geral não gosto de livros de fantasia, mas posso recomendar sem medo de errar que este agradará ao público de todas as idades, é um bom entretenimento, e muito bem escrito e criativo.

Só tenho a agradecer a Priscila Xavier, pois ela disponibilizou este livro mais uma vez para que eu relesse, parabenizo seu trabalho e esperamos ansiosas por mais títulos!

Gostei realmente da história que envolve o livro, lembra muito as séries de TV sobre vampiros exibidas atualmente.

Um prato cheio aos que gostam de romances sobrenaturais!

Até a próxima,


Fernanda

PS: OI É a Susana, Comentários nessa resenha valem pontos extras no sorteio de dia das bruxas. Comentem e Guardem!!
Susana

sábado, 18 de outubro de 2014

Onde a Lua não está - Nathan Filer


Título: Onde a Lua Não Está
Título Original: The Shock of the Fall Livro Único.
Autor: Nathan Filer
Editora: Rocco
Páginas: 272
Ano: 2014

Sinopse
Numa viagem de férias em família, dois irmãos saem numa aventura infantil no meio da noite, mas apenas um deles volta a salvo para casa. Finalista do Costa Book Awards, Onde a lua não está é o elogiado romance de estreia de Nathan Filer, enfermeiro da área de saúde mental e poeta performático britânico. Permanentemente assombrado pela morte do irmão, portador da Síndrome de Down, Matthew nunca desistiu de tentar entender o que aconteceu na fatídica noite e acredita ter descoberto uma maneira de trazê-lo de volta, neste comovente romance de formação que inspirou um curta-metragem dirigido por Udo Prinsen. SKOOB


Resenha

Tudo começa quando Mathew, nosso protagonista então com 9 anos, sofre um acidente, onde vem a falecer seu irmão mais velho, que tinha síndrome de Down, e como era super protegido pelos pais, faz com que ele sinta-se culpado pelo acidente.

“Acho que as crianças acreditam no que querem acreditar. Talvez os adultos também.”

Conforme cresce, Mathew desenvolve um transtorno, e volta e meia relembra o passado, desde o acidente fatídico, então é cheio de altos e baixos devido sua medicação a qual não se adapta e entre viagens de ida e volta ao passado esta história é contada, cheia de tristes lembranças, ele conta sob seu olhar como era crescer num ambiente em que ele era apenas o irmão mais novo, que ninguém se atentava, e agora era o centro das atenções e recorre a escrever num diário.

“É o que fazem os rótulos. Eles grudam. Se as pessoas pensam que você é LOUCO, então tudo o que você fizer, tudo o que pensar, terá LOUCO estampado.”

É uma história delicada, de leitura rápida, para os que gostam de bons dramas familiares que lidam com temas delicados como o luto e doenças mentais, que são dois tabus da sociedade, e que nos trazem belas mensagens.
O autor é enfermeiro da área de Saúde Mental, então escreve com muito conhecimento e propriedade no assunto, entende o preconceito sofrido pelo personagem, sua instabilidade e dificuldade de aceitação, tanto pela sociedade quanto pela sua família.
Uma leitura fora do comum e que surpreenderá aos que buscam novidades literárias.

“Eu tenho uma doença, uma doença com a forma e o som de uma serpente. Sempre que eu aprendo alguma coisa nova, ela aprende também.”

Até a próxima,


Fernanda

segunda-feira, 4 de agosto de 2014

Fuga do Campo 14 - Blaine Harden


I.S.B.N.: 9788580571653
Acabamento : Brochura
Edição : 1 / 2012
Idioma : Português
Número de Paginas : 232
Editora: Intrínseca

Sinopse:

Shin Dong-hyuk nasceu e cresceu no Campo 14, um dos imensos complexos destinados a presos políticos da Coreia do Norte. Seus residentes estão condenados a trabalhar até 15 horas por dia, sofrendo fome e frio, sujeitos a uma rotina de violências sumárias – aos 13 anos, Shin assistiu à execução da mãe e do irmão mais velho por tentarem escapar. De lá, ninguém foge. Existe apenas uma exceção. Determinado a descobrir como é a vida do outro lado da cerca eletrificada, Shin supera todo tipo de dificuldade e consegue deixar a Coreia do Norte. Mas as marcas do passado ainda estão em seu corpo e assombram sua mente, pois durante muitos anos ele guardou um terrível segredo. Em "Fuga do Campo 14", o jornalista Blaine Harden lança luz sobre uma realidade sinistra, que até então permanecia oculta e impenetrável ao olhar do Ocidente. Com sensibilidade, ele acompanha a impressionante jornada de Shin rumo à liberdade."

Resenha:

Este é o livro mais recente que li que lembro ter ficado noites insone, e quando adormecia logo acordava assustada pois tinha pesadelos por causa da leitura que é densa. Estou acostumada com dramas fortes e pesados, já li vários mas ainda me surpreendo com a maldade do ser humano(ainda bem), a que ponto chegam as pessoas devido a ganância pelo poder e dinheiro. Pois só encontro essa explicação pelo que acontece até hoje em dia na Coréia do Norte, nos campos de concentração espalhados pelo país, onde várias pessoas vivem ainda como este rapaz que conseguiu escapar conta neste tenebroso livro.

“Nas histórias de sobreviventes de campos de concentração, há um arco narrativo recorrente. Forças de segurança roubam o protagonista de uma família amorosa e de um lar confortável. Para sobreviver, ele abandona princípios morais, reprime sentimentos por outras pessoas e deixa de ser um humano civilizado.(...)                     A história de sobrevivência de  Shin é diferente." 

A história contada neste livro é o relato de um rapaz chamado  Shin Dong-hyuk (nome atual sul-coreano), que nasceu no campo de concentração nº14, ao repórter Blaine Harden, ele é a única pessoa que fugiu de um campo na Coréia do Norte e sobreviveu para contar sua história.
O crime para ele estar lá desde o nascimento, é devido seus pais terem cometido algum crime contra o governo, então por três gerações são obrigados a pagar por seus crimes servindo nesses campos de concentração totalmente desumanos, apesar de que acredito que nunca existiram ou existirão algum com melhor tratamento...
O que choca é que esses campos continuam em atividade, e lendo seus relatos, por vezes eu parava para respirar, pois é tão chocante que chega a dar azia. O rapaz nunca conheceu a vida fora do campo, nem imaginava o que era usar talheres, ter comida decente na mesa além de angu de fubá, e a fome que o forçavam a passar chegava ao ponto de ter de caçar roedores e insetos para não morrer.
O regime no país é ditatorial então todos que são de alguma forma contra o governo são considerados um perigo e imediatamente enviados a esses campos como prisioneiros. O livro todo é documental, não é uma leitura com relatos ficcionais então pode soar cansativo, mas é tão forte que não é.

“Shin é a exceção. Ele sobreviveu às cercas eletrificadas da prisão e, mesmo sem conhecer ninguém no mundo exterior, deixou para trás a Coreia do Norte. Mas, além das cicatrizes das torturas que sofreu, ele também carrega consigo as marcas de uma infância sem amor e um terrível segredo do passado. Fuga do Campo 14 revela com riqueza de detalhes o cotidiano árido e sem perspectivas dos prisioneiros políticos na Coreia do Norte, com um capítulo específico sobre as regras do campo, além de mapas do local e um caderno com desenhos feitos pelo próprio Shin. Em um relato surpreendente, o jornalista Blaine Harden lança luz sobre uma realidade até então oculta e impenetrável aos olhos do Ocidente. Com sensibilidade, ele acompanha a impressionante jornada de Shin rumo à liberdade.”

Este é um livro forte, porém necessário, acredito que todos os adultos deveriam ler alguma vez na vida.

Até a próxima,

Fernanda

quarta-feira, 30 de julho de 2014

Ariano Suassuna - 1927 - 2014


Mais uma perda neste ano que nos deixa muito tristes, é a do dramaturgo Ariano Suassuna aos 87 anos, um autor muito original e que valorizava muito a cultura nacional, a defendia intensamente e em sua vida foi humanista e pensava no Brasil como um todo, gostava de estar entre as pessoas, com o povo.

Ariano Vilar Suassuna nascido em João Pessoa - PB, 16 de junho de 1927 foi um dramaturgo, romancista, ensaísta, compositor, artista plástico e poeta brasileiro.
Idealizador do Movimento Armorial e autor de obras como Auto da Compadecida e O Romance d'A Pedra do Reino e o Príncipe do Sangue do Vai-e-Volta, foi um preeminente defensor da cultura do Nordeste do Brasil.

Foi Secretário de Cultura de Pernambuco entre 1994 e 1998, e Secretário de Assessoria do governador Eduardo Campos até abril de 2014.
Filho do então governador da Paraíba João Suassuna, nasceu num palácio, mas quando seu pai foi assassinado durante a Revolução de 30, quando tinha 3 anos, se mudou para Taperoá iniciando seus estudos, em 1942 se mudou para Recife e se formou em Direito.



A sua obra mais famosa foi O Auto da Compadecida, conquistou vários prêmios, traduzida em 9 idiomas, adaptada com enorme sucesso para o cinema, televisão e virará HQ pelas mãos do premiado ilustrador Jô Oliveira, até então Ariano não permitia pois achava isso coisa de americano, faleceu sem vê-la pronta o que o ilustrador lamenta.
Em 1957 se casou com Zélia, e revelou que teve sorte pois casou-se com o grande amor de sua vida, tiveram 6 filhos, ocupava a cadeira de número 32 da Academia Brasileira de Letras. 

Obras do escritor

Uma mulher vestida de Sol, (1947);
Cantam as harpas de Sião ou O desertor de Princesa, (1948);
Os homens de barro, (1949);
Auto de João da Cruz, (1950);
Torturas de um coração, (1951);
O arco desolado, (1952);
O castigo da soberba, (1953);
O Rico Avarento, (1954);
Auto da Compadecida, (1955);
O casamento suspeitoso, (1957);
O santo e a porca, (1957);
O homem da vaca e o poder da fortuna, (1958);
A pena e a lei, (1959);
Farsa da boa preguiça, (1960);
A Caseira e a Catarina, (1962);
As conchambranças de Quaderna, (1987);
Fernando e Isaura, (1956)"inédito até 1994".

Romances

A História de amor de Fernando e Isaura, (1956);
O Romance d'A Pedra do Reino e o Príncipe do Sangue do Vai-e-Volta, (1971);
História d'O Rei Degolado nas caatingas do sertão /Ao sol da Onça Caetana, (1976)
Poesias
O pasto incendiado, (1945-1970);
Ode, (1955);
Sonetos com mote alheio, (1980);
Sonetos de Albano Cervonegro, (1985);
Poemas (antologia), (1999).

Foi homenageado três vezes em Escolas de Samba no Rio de Janeiro e em São Paulo.

Em suas entrevistas, sempre era muito doce e falante, acompanhei várias e admirava sua simpatia e paixão pelo povo brasileiro e sua cultura. Até a semana passada trabalhou ativamente em suas aulas espetáculo e ainda marcava mais, nunca parava e tinha muitos planos, dizia que era "imorrível". Mais um pra nos deixar seu legado e muitas saudades!


Fontes: Wikipédia e GloboNews

Até a próxima,

Fernanda


segunda-feira, 28 de julho de 2014

João Ubaldo Ribeiro - 1941 - 2014


“Já estou chegando, ou já cheguei, à altura da vida 
em que tudo de bom era no meu tempo.” - João Ubaldo Ribeiro

Este ano de 2014 está sendo difícil para a cultura brasileira, perdemos grandes personalidades e hoje falarei um pouco de um deles: João Ubaldo Ribeiro.
João Ubaldo Osório Pimentel Ribeiro, nascido em Itaparica – BA , em 23 de janeiro de 1941 foi um escritor, jornalista, roteirista e professor brasileiro, formado em direito e membro da Academia Brasileira de Letras. Foi ganhador do Prêmio Camões de 2008, maior premiação para autores de língua portuguesa. João Ubaldo Ribeiro teve algumas obras adaptadas para a televisão e para o cinema, além de ter sido distinguido em outros países, como a Alemanha.
É autor de romances como Sargento Getúlio, O Sorriso do Lagarto, A Casa dos Budas Ditosos, que causou polêmica e ficou proibido em alguns estabelecimentos, e Viva o Povo Brasileiro, tendo sido, esse último, destacado como samba-enredo pela escola de samba Império da Tijuca, no Carnaval de 1987.5 Era pai do ator e apresentador Bento Ribeiro.
O Sorriso do Lagarto foi adaptado para a TV pela Globo, minissérie escrita por Walter Negrão em 1991 com 52 capítulos.

“- Isso é inevitável. Quem chegou, chegou, quem não chegou, não chega mais. O poder hoje dispõe de tais instrumentos que se sedimentou definitivamente, jamais vai mudar realmente de mãos e a tendência é isso se acentuar. Isso é bom. Isso significa maiores possibilidades de controle racional. Não haverá revolução, nem alteração radical na estrutura do poder, nem entre nações, nem entre classes sociais, nesse sentido a História acabou. Sempre digo que democracia é um mito supersticioso, assim como a igualdade e outros chavões. Há muito tempo que a democracia não é mais praticada em lugar nenhum, a não ser microscopicamente, e temos que colocar essa situação a nosso favor, ou seja, aperfeiçoar o homem de todas as formas possíveis.” – O Sorriso do Lagarto

O escritor João Ubaldo Ribeiro, que morreu na madrugada de sexta-feira dia 18 de julho, foi enterrado às 10h de sábado (19), no Mausoléu dos Imortais da Academia Brasileira de Letras (ABL), no Cemitério São João Batista, em Botafogo, Zona Sul do Rio.


Fontes: Wikipédia e GloboNews


Até a próxima,

Fernanda 


sexta-feira, 25 de julho de 2014

Foi Dada a Largada, CORRAM, "A canção dos quatro ventos" já está em pré venda!

Isso mesmo, mais aguardado que o final da Caverna do Dragão.
Mais requisitado que banco de ônibus vazio em horário de pico.
O final da saga que prende leitores desde 2011.

A Canção dos Quatro Ventos
Final da saga Lua das Fadas 


Hoje entrou em pré venda, corram garantam o seu exemplar em um preço ótimo!


A Canção dos Quatro Ventos,
Terceiro livro da Saga Lua das Fadas
de Eddie Van Feu
256 Páginas
Formato: 157 x 227 mm

Sinopse:

Bem-vindo ao Mundo das Fadas! Se tiver coragem, poderá conhecer um mundo de rara beleza e seres fantásticos, acompanhando Bianca e Zac em uma aventura inesquecível. Mas lembre-se! Num mundo de tantas belezas, há também muitos perigos e lugares sombrios, principalmente dentro do nosso coração...

Este é o terceiro livro da saga Lua das Fadas e você poderá acompanhar Bianca mais uma vez no Mundo das Fadas. Dessa vez, ela não está sozinha. Sua família, que é mais do que parece, como todas as famílias, está pronta para ajudá-la a encontrar Zac. Infelizmente, as coisas não saem como planejado e eles são separados. Agora, além de tentar se encontrar, cada um deles precisa lidar com seus próprios medos e fracassos, com a escravidão, com a perseguição, com cidades fantasmas e espíritos de gigantes. Prepare-se! É hora de voar mais uma vez num mundo que pode estar bem perto de você! Basta virar uma pedra e despertar uma asa...


Para Adquirir Venda por 29,90 reais + frete; fica 36 reais.Pedidos pelo endereço: alcateia@alcateia.com ou pelo tel (21)3872-4971


A autora


Eddie Van Feu é escritora e viajante, sempre dando uma passadinha em mundos além dos nossos olhos. Voa com dragões e conversa com fadas, enquanto escreve histórias como Lua das Fadas e O Trono Sem Rei. Corre com os lobos em Alcateia – Prateada e Alcateia – Lua Carmesim, e dança ao som dos bandolins no meio de Uma Guerra de Luz e Sombras. Autora também da série Wicca, com mais de 63 números, de Crônicas de Leemyar e da pre-quel de Lua das Fadas, O Portal, ela está sempre nos guiando em novas viagens inesquecíveis e emocionantes. Acompanhe a agenda e lançamentos nos blogs:www.revistawicca.com, www.alcateia.com e www.eddievanfeu.com

Escreva pra ela: eddie@eddievanfeu.com

União dos Autores Terceira parte da entrevista com os autores.

Oi Povo

Essa é a última parte das entrevistas dos autores da União de Autores, espero que gostem das entrevistas.


1- Que conselhos você daria para quem está iniciando na carreira de autor? 
O conselho mais valioso que posso dar é estude, estude estude, escreva, escreva e escreva. Escreva sem parar. Tornar-se um autor profissional requer dedicação, é metade criatividade e metade esforço, você precisa se policiar, cumprir metas e planejar bastante, mas também tem que deixar fluir e se expressar.

2-  Qual gênero/ estilo você escreve?

Romances Jovem-Adulto e Fantasia Urbana.




1- Que conselhos você daria para quem está iniciando na carreira de autor?
Sempre escreva, só com a prática é possível aperfeiçoar. Ter alguém para fazer uma leitura crítica também é muito importante.

2-  Qual gênero/ estilo você escreve?
Não gosto de dizer que escrevo um determinado gênero ou tema, eu apenas escrevo. Não gosto de me limitar, simplesmente deixo as ideias surgirem. Mas já escrevi fantasia, erótico, romance e juvenil.




1- Que conselhos você daria para quem está iniciando na carreira de autor?

Cabeça fria. É a primeira coisa que qualquer autor iniciante precisa ter. Nada acontece do dia para a noite e perseverança é fundamental. A gente erra aprende e sobrevive no meio para errar um pouco mais. A construção de um público é algo que leva tempo, logo não pense que você vai lançar um livro e ele vai emplacar de cara. Isso acontece com poucos sortudos.

2-  Qual gênero/ estilo você escreve?
Romances e Romances sensuais!




1.                  Que conselhos você daria para quem está iniciando na carreira de autor?
 Ser escritor vai muito alem do que simplesmente escrever, é amar o que faz, pois o caminho é cheio de pedras, tem muitos desafios, e quando se faz algo por amor é mais fácil de superar as adversidade, então meu primeiro conselho é tenha certeza de que é exatamente isso que quer, se for caso, enfie a cara e vá em frente e não desista nunca.

2.                  Qual gênero/ estilo você escreve?
Eu escrevo fantasia, romance, sobre-natural, aventura e ficção.



 1.                  Que conselhos você daria para quem está iniciando na carreira de autor?
Primeiro eu diria para ele não cansar de revisar o material. Eu detesto esta parte, mas é tão importante quanto a venda do livro rsrsrsrsrs É necessário buscar ajuda. Quando eu comecei nem desconfiava da existência de técnicas para escrever, que deixam o livro mais bonito e leve, menos cansativo. Procurei um curso de como escrever um romance e simplesmente amei tudo o que aprendi, além de entender que sem isso o livro não é nada. Meu segundo conselho é: Não tenha pressa. Pesquise, pergunte, procure saber sobre a editora que você teve proposta, pois muitos autores morreram em seu primeiro livro por ter feito a bobagem de entregá-lo a quem não sabe trabalhar. O terceiro é: não desista. Nunca.

2.                  Qual gênero/ estilo você escreve?
Eu escrevo romances. Não sei escrever nada diferente disso rsrsrsrs



1.                  Que conselhos você daria para quem está iniciando na carreira de autor?
Leia bastante, ler te traz perspectivas diferentes. Seja humilde e aceite conselhos, sejam eles sobre ortografia ou enredo. Nunca pense que sabe de tudo. Constante aprendizado são as palavras de ordem.

2.                  Qual gênero/ estilo você escreve?
Meus livros publicados são do gênero erótico, mas escrevo romances também.



1.                  Que conselhos você daria para quem está iniciando na carreira de autor?
Vai ser difícil. Muito difícil. Escolha cautelosamente com quem trabalha, editoras sérias e bons profissionais fazem toda diferença. E se você não for completamente apaixonado pela profissão, desista agora. Ela exigirá cada grama da sua fé e trabalho.

 2.                  Qual gênero/ estilo você escreve?
Romance, drama, sobrenatural.

Então é isso pessoal, essas foram as entrevistas dos nossos queridos autores.
Até mais

Susana

quarta-feira, 23 de julho de 2014

TAG: Livros Com Sabor de Café


Achei esta TAG num blog de uma amiga, a querida Ana Elisa do Canto da Domino e resolvi copiar.
Eu adorei pois cafés fazem parte da minha vida como os livros, então vamos as minhas respostas:

Café Expresso =  Um livro que você esteja lendo atualmente

A última carta de amor – Jojo Moyes, ainda estou no início mas não me prendeu como outro que li da autora, Como eu era antes de você que é dos meus favoritos.

Capuccino = Um livro romântico, mas sem muito "mimimi"

Marina – Carlos Ruiz Záfon, é um romance sombrio digamos assim, não tem mimimi

Frapuccino = Um livro ideal para ser lido no verão

Dias melhores virão – Jennifer Weiner, só a capa já é um convite a uma boa praia e a leitura dessas para começar sem hora para terminar.

Café Curto = Um livro que você leu e achou muito forte

Foram vários, pois me atraio por esse tipo de leitura, mas um recente que me tirou o sono foi Fuga do Campo 14 – Blaine Harden, que recomendo a todos, leitura mais que obrigatória!

Café Longo = Um livro infantil que você goste muito
Menina das Estrelas – Ziraldo: coisa mais fofa do mundo esse livro e se eu pudesse daria ele de presente a todas as meninas do mundo! :)

Café Latte = Um livro ideal pra aquecer o seu inverno

Minha estação do ano preferida, tem vários livros que me fariam ótima companhia mas nenhum melhor que As Brumas de Avalon – Marion Zimmer Bradley

Café Macchiato = Um livro que te deixou apaixonada(o) pelo(a) protagonista/herói

Orgulho e Preconceito – Jane Austen, quem não quer um mr Darcy que atire a primeira pedra!

Café Mocha = Um livro ideal para ler antes de dormir

Os livros dos Tudors da Phillipa Gregory, livros que fazem sonhar com castelos medievais, vestidos e grandes festas da corte de Henrique VIII.

Café Coado = Um livro que combina com todos os momentos

Comer, rezar, amar – Elizabeth Gilbert, muito bem humorado, é adorável essa leitura.



Espero que tenham gostado e até a próxima,

Fernanda


Layout exclusivo do blog - Noites Malditas | Feito por: Alice Grunewald | Tecnologia do Blogger | Cópia total ou parcial é proíbida ©