terça-feira, 14 de junho de 2011

Carmilla

Eu prometi, promessa é divida, aqui está um pequenino especial do meu presente dia dos namorados!

Bem, eu ganhei a obra Carmilla de Sheridan Le Fannu,  então aproveitando que eu tenho o filme aqui em casa, decidi fazer um post falando sobre o livro, o filme também vou incluir uma recente homenagem a ETERNA diva Vampiresca Ingrid Pitt, que deixou órfão todos que gostam de filmes de vampiro no dia 23 de novembro de 2010, de uma banda que eu amo Theatres de Vampires, na voz de outra diva sombria, Sonya Scarlet.
Voltando ao livro, eu li ele em um dia, pois é um livro de apenas 105 páginas. A minha versão que é portuguesa de 1984 da editora Europa-America (que publica hoje Anne Rice em Portugal).

A condessa Mircalla Karnstein, Millarca ou simplesmente Carmilla é a nossa vampira, presa a anagramas de seu nome original e sedenta por sangue. Ela escolhia e se infiltrava em famílias da região para drenar a vida das virgens pelas quais se encantava.
O livro nos trás a narrativa de Laura, uma moça que ficou órfã de mãe muito cedo e foi criada por uma ama seca e uma tutora juntamente com seu pai, um homem muito gentil que primava pelos cuidados com a única filha. Ela não era uma jovem impressionável, mas quando conhece  a estonteante Carmilla (após esta sofrer um acidente de coche bem na sua frente e ser “abandonada” pela mãe que resolvia problemas urgentes e não queria forçar a filha indisposta pela acidente a seguir viagem); Laura se vê envolta de uma nova realidade cheia de pesadelos com uma criatura que lhe drena sangue e com uma mulher rondando sua cama. Aos poucos Laura fica obcecada por Carmilla, enquanto a vampira lhe faz declarações de amor eterno e afirmações apaixonadas aos termos de Romeu e Julieta.

Sobre o Filme, pelo que leram provavelmente notaram que Carmilla é um dos (se não for O) primeiros contos envolvendo vampiros homossexuais. E o filme não é diferente, são 90 minutos com algumas cenas de nudez e lesbianismo, enquanto Carmilla usa a energia vital de sua pobre vítima.

Abaixo um trecho do filme onde fica bem exposta a relação de Carmilla com Emma (Laura no original).



O filme é uma das melhores adaptações de livro que eu tive a chance de ver, claro que para nos ambientar o filme inicia no capitulo X do livro e depois volta ao primeiro capitulo o que, na minha opinião, é muito melhor, pois nos explica de onde Carmilla vinha e seus propósitos desde o inicio torna a história mais movimentada, para um filme isso é ótimo, mas é claro que no livro propriamente dito estragaria toda a atmosfera misteriosa em torno da bela jovem Carmilla. Outra diferença é que Laura virou Emma no filme e alguns detalhezinhos, mas nada que atrapalhe o andamento original de história.




Essa é a música que falei no inicio do Post da banda Theatres des Vampires que se chama Carmilla e a letra com a tradução está ai embaixo eu traduzi, mas achei depois que essa tradução do Terra era mais legal por isso ai está e também o clipe para quem ainda não conhece a banda! Uma Bela homenagem póstuma!



E estou incluindo a letra em inglês.

Carmilla
Her black shadow at the foot of your bed
Her pure white
dress you can feel her on your breast
You can't stop her
in the coils of her sweet spell
You can feel her she's so
close to your heart

Every night after tolling of last
bell
Silent coming languid, graceful into a trance

You
can't stop her, no, you can't talk, can't escape
No more
whispers. no more sorrow no more pain

Carmilla, comes
to me
Mircalla, I want you
Carmilla, she comes to you

Mircalla, I want your screams

Now I see you at the
foot of my bed
Your pure white dress is a one great
scarlet stain
I can't stop you in the coils of your sweet
spell
I can feel you, you're so close to my heart

She
comes to bring the sorrow
She is like a cold embrace
She
murmurs words of madness
She comes to bring the death

"You are mine, you shall be mine "
she says…"love will
have its sacrifices.."
"there's a coldness beyond her
years,
in her smiling endless melancholy,
the refusal
to afford you the least ray of light"
You see her under
the moon shadow,
Standing near the feet of your bed,
In
her lacy white dress
Bathed, from her chin to her feet,

In one great scarlet stain.
She says again…
"there's no
sacrifice without blood"


Carmilla
Sua sombra negra ao pé da sua cama
Seu branco e puro
Vestido, você consegue sentir seu seio
Você não pode pará-la
Nas espirais do seu doce feitiço
Você consegue senti-la, ela está tão
Perto do seu coração

Todas as noites, após o dobrar do último
Sino
O silêncio se aproxima lânguido, gracioso em um transe

Você
Não pode pará-la, não, você não consegue falar, não consegue escapar
Sem mais
Sussurros. Sem mais mágoa. Sem mais dor.

Carmilla,  venha
Até mim
Mircalla, eu quero você
Carmilla, ela vem até você

Mircalla, eu quero seus gritos

Agora eu vejo você ao
Pé da minha cama
Seu puro e branco vestido é uma grande
Mancha escarlate
Eu não posso pará-la nas espirais do seu doce
Feitiço
Eu consigo senti-la, você está tão perto do meu coração

Ela
Vem para trazer a mágoa
Ela é como um frio abraço
Ela
Murmura palavras de loucura
Ela vem para trazer a morte

"Você é meu, você deve ser meu"
Ela diz... "o amor terá
Seus sacrifícios..."
"Há um frio por trás de seus
Anos,
Em seu sorriso, infinita melancolia,
A recusa
Em propiciar-lhe o menor raio de luz"
Você a vê sob
A sombra da lua,
Estática próximo ao pé da sua cama,
Em
Seu vestido de renda branca
Banhada, do queixo aos pés,

Em uma grande mancha escarlate.
Ela diz novamente...
"Não há
Sacrifício sem sangue"

Na Letra cita trechos do Livro, frases chaves da Carmilla, eu gostei bastante do trabalho do compositor! Ah se a pessoa que traduziu lá para o Terra ler esse post e quiser se identificar para eu dar os creditos decentemente, eu agradeço.
Bem, eu também ganhei o Guia de Vampiros para Mulheres, foi presente surpresa. Hehehehe, mas eu ainda não li então depois eu destaco algumas coisas dele!
Espero que tenham gostado desse longo post sobre Carmilla!
Beijos Malditos!
E lembrem-se  NÃO HÁ SACRIFÍCIO SEM SANGUE, melhor dormirem com um olho aberto hoje!
PS: Vou publicar as regras da promo maldita assim que chegar a 30 seguidores!

Susana

Layout exclusivo do blog - Noites Malditas | Feito por: Alice Grunewald | Tecnologia do Blogger | Cópia total ou parcial é proíbida ©